Como o uso irresponsável de um celular corporativo pode trazer prejuízos para a empresa

Atualizado: 14 de jun.


A entrada em vigor da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) trouxe muitas mudanças nos processos e no dia a dia das empresas. Você já parou para pensar em todos os dados que são coletados e armazenados no celular corporativo?


As empresas devem considerar em seu mapeamento de tratamento de dados, além dos dados capturados em seus sites, os dados coletados nos telefones e tablets da empresa utilizados pelos seus funcionários. Uma vez que o equipamento é de propriedade da empresa, os mesmos cuidados devem ser tomados com esses dados, como por exemplo:


- Informar que algumas informações pessoais podem ser armazenadas e não se esquecer da transparência: quais dados serão coletados, a sua finalidade, tempo de armazenamento etc.


- Validar a necessidade do consentimento para o tratamento desses dados e, automaticamente, respeitar os direitos do titular dando autonomia para o mesmo para a revogação desse tratamento.


- Importante sempre treinar e conscientizar todos os funcionários sobre as regras a serem seguidas e os riscos envolvidos no mal uso dos dispositivos que pode levar ao vazamento de informações.


Confira mais sobre o assunto em: https://www.terra.com.br/economia/lgpd-mau-uso-de-celular-corporativo-pode-dar-multa-a-empresa,af94fbc2a2af9dbb81f5dd2ad4344407eilzlqdp.html


#DPO #DPOCenter #LGPD

0 visualização