Novo recorde registrado com custos de violação de dados


O custo médio de uma violação de dados atingiu US$ 4,35 milhões globalmente, o que representa um aumento de quase 13% em relação ao registrado em 2020 e um novo recorde histórico.


Além das principais descobertas, que representam um aumento de 2,6% em relação ao relatório do ano passado, os consumidores estão sofrendo desproporcionalmente com esses incidentes - 60% das organizações violadas viram os custos após uma violação aumentarem, impulsionando a inflação global.


O phishing é a causa mais cara de eventos de violação, resultando em um custo médio de US$ 4,9 milhões para organizações vítimas, enquanto credenciais comprometidas são a causa mais comum (19%). Entretanto, o setor de saúde continua a ser aquele em que os custos são mais elevados e os EUA continuaram sendo o país em que o custo é o mais elevado, girando, em média, em US$ 9,4 milhões.


A maior economia de custos identificada foi o uso de inteligência artificial em segurança e tecnologia de automação — as organizações que implantaram essas tecnologias incorreram em US$ 3 milhões a menos em média em custos de violação.


Tem dúvidas sobre as infrações, violações e deseja prevenir futuros incidentes? Entre em contato com a gente!


Para matéria completa, acesse: https://www.cisoadvisor.com.br/custo-de-violacao-de-dados-bate-novo-recorde-e-atinge-us-435-mi/


#DPO #DPOCenter #LGPD